quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Altas de patologia Oral






Patologia Oral em Imagens

Ricamente ilustrado, Altas da Elsevier aborda as principais doenças da boca e auxilia dentistas e médicos no cuidado diário com o paciente






Agregar o poder da imagem às correlações clínico-patológicas das principais lesões de boca e facilitar o diagnóstico das lesões da cavidade oral é parte dos
objetivos deste Atlas de Patologia Oral (Elsevier), da Dra.
School Sook Bin-Woo, professora da Harvard School of Dental Medicine e diretora no Brigham and
Women´s Hospital
. Woo também é profissional agraciada com os prêmios
National Research Service do National Institutes of Health, e com o American Cancer Society Career Development.

Este é o mais completo, abrangente e atual Atlas de patologia disponível no mercado, alem de muito prático, de fácil leitura e compreensão. É, portanto, bibliografia recomendada tanto para os estudantes de pós-graduação em Patologia Oral, Estomatologia, Medicina Oral quanto como para o clínico geral.

Ao longo de 16 capítulos, mais de 1.600 fotografias clínicas e fotomicrografias mostram as características de doenças neoplásicas, displásicas e benignas da mucosa oral, auxiliando na indicação do tratamento clínico para cada uma dessas entidades patológicas, incluindo as lesões não frequentes e lesões ainda não encontradas em outros livros.

O Atlas aborda ainda radiologia odontológica, cirurgia oral e maxilofacial e apresenta aspectos clínicos e microscópicos das principais lesões, para aprofundar a análise e tomada de decisão clínica tendo como apoio critérios específicos histológicos para o diagnóstico de doenças inflamatórias, cistos e tumores.  Sook Bin-Woo sublinha os chamados achados histológicos correlacionando-os com as manifestações clínicas para diagnósticos diferenciais, apontando-os como particularmente importantes na compreensão de doenças inflamatórias da mucosa que são recidivantes ou remitentes.

Um destaque especial do livro também são os dois apêndices com informações sobre tratamento das doenças da mucosa oral. Útil, por exemplo, para dermatologistas com interesse na área, estudantes de medicina de cabeça e pescoço, otorrinolaringologistas, residentes de patologia e patologistas. A prévia do material está em http://migre.me/fDW05.

SERVIÇO
Atlas de Patologia Oral – Tradução da 1ª edição*
EDITORA: Elsevier
AUTOR:  Sook–Bin Woo
PÁGINAS: 456          FORMATO: 21x27                 PREÇO: R$ 379
*E-book disponível a partir de agosto nas lojas virtuais Kobo, Amazon, Google, Cultura, Gato Sabido, Positivo, eBook Cult, entre outras.


SOBRE A AUTORA
Sook-Bin Woo, DMD, MMSc, Professora do Departamento de Medicina, Infecção e Imunidade Oral na Harvard School of Dental Medicine e diretora Clínica no Departamento de Medicina Oral do Brigham and Women's Hospital, em Boston.

Sobre a Elsevier
No Brasil, a Elsevier publica os principais livros da área de saúde e consagrados há centenas de anos em todo o mundo - a maioria deles acompanhados de material complementar na web. A editora tem ainda o maior catálogo de livros digitais em língua portuguesa na área de saúde do país. também produz revistas científicas de importantes sociedades médicas e oferece uma série de produtos eletrônicos e digitais inovadores, como o Science Direct, o ClinicalKey, o e-volution, o Scopus e databases bibliográficas, além de serviços e soluçòes e conteúdos específicos para a indústria farmacêutica. 

Canto do Trabalho Assessoria de Comunicação (21) 3256-2606/3217-8061
Jaciara Rodrigues - jaciara@cantodotrabalho.com
Andrea Drummond –
dea@cantodotrabalho.com

quarta-feira, 24 de julho de 2013

Nacional ossos

Saudações...
Quem gostaria de possuir um crânio com excelente definição para o seu escritório ou consultório? Este item de estudo/decoração não pode faltar para o Cirurgião Bucomaxilofacial (ou aspirante).
Há tempos, a nacional enviou um crânio para a minha avaliação...(http://bucomaxilofacial.blogspot.com.br/2009/02/modelo-de-cranio-para-estudo-e.html)
Hoje, dei "upgrade"no meu modelo e instalei uma barra de erich.

Após o feito, dei um "pulo" no site deles (www.ossos.com.br) para enviar a foto da barra instalada (com a intenção de contribuir na melhoria do produto) e passei vergonha... Eles realizaram algumas adaptações e o que eu achava perfeito....ficou mais que perfeito.
Confiram:



Agora o modelo possui tela orbital, placa para crânio, parafuso de FMM, aparelho ortodôntico nos dentes (pra que barra de erich?), placa em L para osteotomia Le Fort I...
Gostei demais a evolução do modelo. Corram e adquiram o seu!

Livro adicionado

Adicionado o Atlas fotográfico de anatomia do Corpo Humano na seção Download.
Atente para as leis e normas para efetuar o download. Se gostar do livro, compre e contribua com os pesquisadores.
abraços

Seção provas!!!!

Saudações queridos leitores,

Acabo de criar uma seção destinada aos alunos que sonham em prestar a prova para residência em Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial.
Cliquem em Provas e sejam felizes!!!!
Abraços
Obs - Este post merece comentários....

sexta-feira, 19 de julho de 2013

sexta-feira, 12 de julho de 2013

Tórus Palatino



O Tórus palatino é uma massa de osso nodular, séssil, que aparece ao longo da linha média do palato duro. Em algumas populações, esta lesão ocorre em mulheres com frequência duas vezes maior do que em homens, com relatos de diferenças raciais e étnicas significativas. O Tórus palatino geralmente aparece durante a segunda e terceira década de vida, embora possa ser observado em qualquer idade. A massa óssea apresenta crescimento lento e geralmente é assintomática. Estas lesões estão muitas vezes presentes de uma maneira simétrica ao longo da linha média do palato duro. O Torus palatino pode assumir várias configurações, como nodular, fusiforme, lobular ou achatado. Tórus grandes podem ficar evidentes em radiografias como lesões radiopacas difusas. 

quinta-feira, 11 de julho de 2013

Questões de caso clínico


Uma mulher com 58 anos notou que seus dentes anteriores tinham se afastado e procurou seu Dentista. Ao entrar no consultório, o dentista nota que a paciente tem dificuldades de locomoção e não responde às suas perguntas. Ela tem se tornado cada vez mais surda e sua visão também tem deteriorado. Durante o exame, a maxila e o osso zigomático se encontram expandidos e há aumento de volume no frontal.





1) Qual é a hipótese de diagnóstico?
2) Quais exames poderiam apoiar o diagnóstico?
3) Quais as características histológicas desta lesão? 

terça-feira, 9 de julho de 2013

Luz...Para a saúde bucal...





Eficaz no controle de microrganismos nocivos e minimamente invasiva, a fotodinâmica na Odontologia é tema de livro pioneiro sobre a técnica que já revoluciona o tratamento dentário.

Pela primeira vez no mundo um livro reúne conhecimentos sobre a terapia fotodinâmica relacionados à Odontologia: PDT Terapia fotodinâmica antimicrobiana na Odontologia (Editora Elsevier).

Editado pelos especialistas Dras. Silvia Nunez e Martha Ribeiro e Dr. Aguinaldo Garcez, e com a colaboração de pesquisadores destacados no cenário nacional e internacional, a obra trata da técnica que pode levar a odontologia moderna a expandir seus horizontes, ao amenizar o uso de antibióticos e de procedimentos invasivos e aumentar a eficiência das técnicas convencionais de descontaminação.
A terapia fotodinâmica - PDT (da sigla em inglês para Photodynamic Therapy) - consiste na aplicação de um fotossensibilizador não tóxico na área infeccionada, ativado por uma fonte de luz apropriada levando a limpeza do local iluminado. Bactérias, fungos e vírus são exterminados, sem necessidade de medicação oral e de forma totalmente indolor. Até o momento não há registros de resistência ao mecanismo de ação ou indução à seleção de microrganismos resistentes.
Segundo a co-autora Silvia Nunez, cirurgiã-dentista, a busca por alternativas para combater microorganismos nocivos ao corpo está em plena ascensão porque é crescente a resistência de alguns desses micróbios a antibióticos. PDT Terapia fotodinâmica antimicrobiana na Odontologia retrata essa realidade, sistematizando conhecimentos que estão em rápido e constante desenvolvimento.

APLICAÇÕES
Além do tratamento da cárie, tratamento de canal e candidíase oral, a periodontia, em especial, tem muito a ganhar, dada a facilidade de aplicação dos fotossensibilizadores nas bolsas periodontais e o auxílio de fibras óticas locais. Os resultados, menos traumáticos para os pacientes e menos trabalhosos para os dentistas, já podem ser notados em muitos consultórios. A descontaminação bucal é outro procedimento que pode evoluir bastante com a maior utilização da terapia fotodinâmica por dentistas, já que muitas enfermidades surgem a partir de infecções bucais.
Os 22 capítulos do livro, que incluem princípios básicos da PDT, metodologias de estudo e aplicações clínicas em dentística, edodontia, periodontia, odontopediatria e estomatologia, atendem aos profissionais interessados em aprofundar seus conhecimentos e descobrir novas possibilidades com o emprego da técnica.
Na saúde em geral, a terapia fotodinâmica é usada, por exemplo, no combate a cânceres, a patologias cutâneas, no tratamento de degeneração macular (retina) relacionada ao envelhecimento, além de representar uma opção para os adeptos da homeopatia.

Conteúdo extra online e eBook
A obra tem conteúdo extra no site www.elsevier.com.br/odontoconsult, com acesso a vídeos de procedimentos, perguntas e respostas frequentes e sites recomendados. As publicações em Odontologia da Elsevier - reconhecidas na área de formação clínica e adotadas pelas mais renomadas instituições de ensino brasileiras - podem ser encontradas, também, em versão eBook no formato epub, lidas na maioria dos tablets, e-readers, smartphones e computadores. A editora tem o maior catálogo de livros digitais em língua portuguesa na área da Saúde no Brasil. São mais de 200 eBooks disponíveis em 20 lojas virtuais, como a Kobo Cultura.

SOBRE OS AUTORES:
Silvia Cristina Nunez é Dentista pela Universidade Cidade de São Paulo, doutora em Ciências pelo Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares-IPEN e mestre em laser pela Faculdade de Odontologia da USP e IPEN, professora associada do Centro de Estudos Treinamento e Aperfeiçoamento em Odontologia, habilitada em laser pelo Conselho Federal de Odontologia. É especialista em investigação de parâmetros associados à Terapia Fotodinâmica, atuando em terapia fotodinâmica antimicrobiana, aplicações de laser na área médica e na clínica odontológica, microbiologia e terapia laser em baixa intensidade na clínica odontológica.
Martha Simões Ribeiro é Física pela Universidade Estadual de Campinas , mestre em Ciências pelo Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares e doutora em Tecnologia Nuclear Aplicações pelo Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares. É pesquisadora do IPEN-CNEN/SP, professora de graduação da Universidade de São Paulo e estuda, entre outros, fotobiomodulação nas áreas da Saúde e efeito fotodinâmico antimicrobiano.
Aguinaldo Silva Garcez é Doutor em Ciências na área de Tecnologia Nuclear pelo IPEN/CNEN-SP, mestre em Laser em Odontologia pela Universidade de São Paulo/ IPEN, especialista em Dentística Restauradora pela EAP-APCD com habilitação em Laserterapia pelo CFO. Possui graduação em Odontologia pela Universidade de Taubaté e atua com laser, terapia fotodinâmica, endodontia, dentística e ortodontia.

SERVIÇO
Terapia fotodinâmica antimicrobiana na Odontologia (Editora Elsevier)
Páginas:  312                 Formato: 21x28cm                Preço: R$ 229,00

Sobre a Elsevier
No Brasil, a Elsevier publica os principais livros da área de saúde e consagrados há centenas de anos em todo o mundo - a maioria deles acompanhados de material complementar na web. A editora também produz revistas científicas de importantes sociedades médicas e oferece uma série de produtos eletrônicos e digitais inovadores, como Science Direct, ClinicalKey, Scopus e databases bibliográficas.

Canto do Trabalho Comunicação (21) 3256-2606/3217-8061
Jaciara Rodrigues - jaciara@cantodotrabalho.com
Daniella Fernandes – dani@cantodotrabalho.com

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Elsevier lança a 6a edição do Manual de Anestesia Local (Malamed)

A Editora Elsevier encaminhou um convite do lançamento da 6a edição do aclamado Manual de Anestesia Local (Malamed). Transcrevo o texto abaixo.


A arte e a ciência do controle da dor
na Odontologia

Tradução da 6ª edição do Manual de Anestesia Local, clássico de Stanley Malamed, é destaque da Elsevier no CIORJ 2013, emjulho.


Ser referência para a compreensão das técnicas e conceitos da anestesia na Odontologia, dos mais tradicionais aos mais modernos, para ajudar a garantir uma prática correta e evitar erros é o principal objetivo do consagrado Manual de Anestesia Local, tradução da 6ª edição que chega ao Brasil pela Editora Elsevier. A obra será lançada durante o 21º Congresso Internacional de Odontologia do Rio de Janeiro - CIORJ, de 10 a 13/ 07 de 2013 na capital fluminense.
A obra, que tem como autor Dr. Stanley F. Malamed, professor da Faculdade de Odontologia da Universidade da Califórnia do Sul e sumidade no assunto, é indicada tanto para profissionais quanto para estudantes; reúne os últimos avanços científicos em instrumentação e controle da dor, fornecendo uma cobertura completa e ilustrada em cores sobre os principais tópicos-chave da anestesia.

Guia rápido para aplicar a anestesia de forma segura e eficaz, o Manual trata também de fatores de risco e de erros que podem resultar em complicações, isto porque “achar o nervo” para aplicar o anestésico local continua a ser um sério problema entre os profissionais, segundo Malamed. “Ao longo dos meus 39 anos como professor na área, eu e meus colegas anestesistas odontológicos temos trabalhado na resolução dessa questão. Será que conseguimos? Ainda não. Estamos chegando perto de uma solução? Sim. Esta 6ª edição do Manual de Anestesia Local é um grande passo nesta direção”.

Ciente da importância de uma obra atual na área, Malamed explora a nova farmacologia, novos equipamentos e novas estruturas de imagens anatômicas, e transforma seu livro em referência definitiva da anestesiologia oral.

A nova edição da publicação inclui discussões mais extensas e novas sobre a injeção no ligamento periodontal (LPD) — incluindo o uso de sistemas de deposição de anestésico local controlados por computador para LPD e outras injeções; a administração do anestésico local cloridrato de articaína por infiltração mandibular na mandíbula adulta; tamponamento de soluções anestésicas locais (o anestésico “em ação”) para aumentar o conforto do paciente durante a injeção, diminuir tempo de início da anestesia e, talvez, aumentar a profundidade da anestesia; o mesilato de fentolamina (o anestésico “para suspender”), dando ao dentista a oportunidade de minimizar significativamente a duração de anestesia residual de tecidos moles do paciente, minimizando assim o risco de lesão autoinfligida nos tecidos moles. Foram reescritas as discussões nesta edição sobre os dispositivos de C-CLAD e as técnicas anestésicas locais associadas.

Manual de Anestesia Local tem, ainda, passo a passos através de conteúdo extra e gratuito nosite Odonto Consult, com 43 vídeos legendados exclusivos e demonstrações em mais de duas horas de cinco grandes agrupamentos de abordagem sobre anestesia: medicamentos, técnicas, complicações, revisão, uso do C-CLAD. Os vídeos são guiados pelo comentário pessoal do Dr. Stanley Malamed, que fornece dicas e segredos apreendidos em anos de experiência clínica e cuidadosa pesquisa sobre a prática contemporânea da anestesia dental; estarão disponíveis a partir de setembro de 2013 no site www.elsevier.com.br/odontoconsult, exclusivos para quem adquirir a nova edição do livro.




SERVIÇO

Lançamento 
Manual de Anestesia Local no Congresso Internacional de Odontologia do Rio de Janeiro (21° CIORJ)
Dias: de 10 e 13 de julho de 2013
Local: Riocentro - 
Av. Salvador Allende, 6555 - Barra da Tijuca - Rio de Janeiro.   

Manual de Anestesia Local (Elsevier) – Tradução da 6ª edição 
Autor: Stanley F. Malamed - Professor de Anestesia e Medicamentos da Faculdade de Odontologia da Universidade da Califórnia do Sul, Los Angeles.
Formato: 21x28cm       
Páginas: 432          
Preço: R$ 229

E-book disponível a partir de julho nas lojas virtuais Kobo, Amazon, Google, iba, Cultura, Gato Sabido, Positivo, eBook Cult, entre outras.

Sobre a ElsevierNo Brasil, a Elsevier publica os principais livros da área de saúde e consagrados há centenas de anos em todo o mundo - a maioria deles acompanhados de material complementar na web. A editora tem ainda o maior catálogo de livros digitais em língua portuguesa na área da saúde no país. A Elsevier também produz revistas científicas de importantes sociedades médicas, oferece uma série de produtos eletrônicos e digitais inovadores, como o Science Direct, o ClinicalKey, o Scopus e databases bibliográficas, além de serviços e soluções e conteúdos específicos para a indústria farmacêutica.



Embora os fármacos sejam os mesmos – cloridrato de articaína,cloridrato de bupivacaína, cloridrato de lidocaína, cloridrato de mepivacaína e cloridrato de prilocaína –, os anos que se passaram desde a quinta edição viram a introdução e o refinamento dos fármacos e dispositivos que ajudam a profi ssão de dentista a chegar cada vez mais perto do objetivo duplo de alcançar uma odontologia verdadeiramente livre de dor e com injeções indolores
de anestésico local.


“Os anestésicos locais são os fármacos mais seguros e mais eficazes disponíveis em toda a medicina para a prevenção e a gestão da dor.
De fato, não existem outros agentes que impeçam realmente a dor; nenhum outro medicamento que impeça a propagação do impulso nervoso nociceptivo de alcançar o cérebro do paciente, onde este seria interpretado como dor. Deposite um fármaco anestésico local bem próximo a um nervo sensorial e o controle clinicamente adequado da dor irá ocorrer em praticamente todas as situações clínicas”.

A Elsevier lança a tradução da 6ª edição de um clássico sobre a prática anestésica segura em Odontologia: o consagrado Manual de Anestesia Local.


RECURSOS ADICIONAIS

• Procedimentos passo a passo ATUALIZADOS que cobrem as técnicas atuais para
a administração intraoral de anestésicos.

• Cobertura ATUALIZADA do armamentário que descreve o cuidado e manuseio
apropriados dos equipamentos atuais.

• Fotografias totalmente coloridas, desenhos e resumos estão incluídos ao longo
do livro.

• Informações abrangentes sobre a articaína, esse anestésico local cada vez mais
popular. 

quarta-feira, 10 de abril de 2013

Sobre extrações


Saudações,
  No dia 24 de maio de 2012 criei uma enquete com a pergunta:  "Você realiza extração dentária em sítio infectado?"

   Existia a possibilidade de quatro respostas, cito: 
      - Sim. Qual é o problema?
      - Sim. Com algumas limitações.
      - Não. Podemos promover a disseminação da infecção a outros espaços.
      - Não. Prescrevo ANTIBIÓTICO e após melhora do quadro realizo a exodontia.

  A grande maioria respondeu a número 4.

    Esta é uma grande idéia errônea que acomete a população de dentistas. A remoção do foco infeccioso é a primeira regra do tratamento. Não entendo o porque passar antibiótico e mandar o paciente pra casa. Trabalho em Pronto Socorro de Hospital e vejo muitos colegas que fazem isso! Como diz o vídeo "Deus"do grupo Porta dos fundos....
      Errou! Errou feio! Errou Rude!!!!
      Abraços 
      Obs - E pra quem não conhece o vídeo....